Cognitive-Behavioral Therapy in Sleep Dentistry: literature review

  • Nayara Cavalcante Montenegro Universidade Federal do Ceará
  • Poliana Lima Bastos Universidade Federal do Ceará
  • Millena Teles Portela de Oliveira Universidade Federal do Ceará
  • Francisca Geiciane Sampaio Pereira Universidade Federal do Ceará
  • Viviane Maria Guimarães de Figueiredo
  • Jorge Machado Caram Capacitação Odontológica em Medicina do Sono do CPO-SL Mandic- São Paulo/SP

Resumo

Abstract

Cognitive Behavioral Therapy - CBT is a system of psychotherapy that has been successful in treating a variety of disorders and clinical pathologies, among which are sleep disorders. CBT has as basic assumption the interpretation that a subject makes of a given situation, and that interpretation will define the emotional and behavioral response of the individual. In Sleep Dentistry the goal of this technique is to eliminate erroneous beliefs and attitudes related to sleep. The objective of this study is to perform a literature review of articles published in English and Portuguese in the last 17 years between 2001 and 2018, which relate sleep disorders to cognitive therapy in order to understand how and with what intensity therapy can improve sleep quality. Thus, a bibliographic search was performed in the Lilacs and Medline databases, using the English descriptors Cognitive therapy and Sleep dentistry, obtaining 30 articles, of which 24 were selected, including articles published in English and Portuguese, which addressed techniques of cognitive-behavioral therapy in the treatment of sleep disorders, such as Obstructive Sleep Apnea Syndrome. Sleep hygiene measures are of special interest to patients who have some sleep dysfunction, such as obstructive sleep apnea syndrome - OSAS. Although there are no studies in the literature demonstrating the significant impacts of these techniques, it is possible to note a slight contribution to patients who present with sleep disorders. Therefore, it is necessary to disseminate preventive measures for these disorders, aiming to improve the quality of life of the population.

 Keywords: Dentistry. Sleep Apnea, Obstructive.  Sleep Hygiene.

 Resumo

A terapia Cognitiva Comportamental - TCC é um sistema de psicoterapia que tem demonstrado êxito no tratamento de variados transtornos e patologias clínicas, dentre os quais estão os distúrbios do sono. A TCC tem como pressuposto básico a interpretação que um sujeito faz de uma determinada situação, sendo que essa interpretação irá definir a resposta emocional e comportamental do indivíduo. Na Odontologia do Sono o objetivo dessa técnica é eliminar as crenças e atitudes errôneas relacionadas ao sono. O objetivo deste estudo é realizar uma revisão de literatura de artigos publicados nos idiomas inglês e português nos últimos 17 anos, período entre 2001 e 2018, que relacionam os distúrbios do sono com a terapia cognitiva, a fim de compreender de que forma e com que intensidade a terapia pode melhorar a qualidade do sono. Para isso foi realizada uma busca bibliográfica nas bases de dados Lilacs e Medline, utilizando os descritores em inglês Cognitive therapy e Sleep dentistry, obtendo-se 30 artigos, dos quais foram selecionados 24, incluindo artigos publicados no idioma inglês e português, que abordavam técnicas de terapia cognitivo-comportamental no tratamento de distúrbios do sono, como a Síndrome da Apneia Obstrutiva do Sono. As medidas de higiene do sono são de especial interesse para pacientes que possuem alguma disfunção do sono, como a síndrome da apneia obstrutiva do sono - SAOS. Embora não haja na literatura estudos que comprovem os impactos significativos dessas técnicas, é possível notar uma ligeira contribuição para os pacientes que apresentam disfunções do sono. Assim, percebe-se a necessidade de disseminação de medidas preventivas para esses transtornos, objetivando melhorar a qualidade de vida da população.

 Palavras-chave: Odontologia. Apneia Obstrutiva do Sono. Higiene do Sono.

Biografia do Autor

Nayara Cavalcante Montenegro, Universidade Federal do Ceará

Acadêmica de Odontologia- Universidade Federal do Ceará- Campus Sobral/CE. Brasil.

Poliana Lima Bastos, Universidade Federal do Ceará
Ms e Dra em Clínica Odontológica- FOP-UNICAMP- Piracicaba/ SP; Capacitação em Odontologia do Sono- Ortho&Sono-Santos/SP;  Profa. Adjunta da  UFC- Sobral/ CE. Brasil.
Millena Teles Portela de Oliveira, Universidade Federal do Ceará

Acadêmica de Odontologia- Universidade Federal do Ceará- Campus Sobral/CE. Brasil.

Francisca Geiciane Sampaio Pereira, Universidade Federal do Ceará

Acadêmica de Odontologia- Universidade Federal do Ceará- Campus Sobral/CE. Brasil.

Viviane Maria Guimarães de Figueiredo
Ms em Diagnóstico Bucal- UFPB; Dra em Prótese Dentária- UNESP/ SP; Profa. Substituta UFC- Sobral/ CE. Brasil.
Jorge Machado Caram, Capacitação Odontológica em Medicina do Sono do CPO-SL Mandic- São Paulo/SP

Especialista em Ortodontia. Professor convidado dos cursos de Capacitação Odontológica em Medicina do Sono do CPO-SL Mandic- São Paulo/SP.

Referências

Bahia MG., Soares V., Winck JC. Impacto da higiene do sono em doentes com síndroma de apneia obstrutiva do sono. Revista Portuguesa de pneumologia. Vol XII N.º 2 Março/Abril; 2006.

Passos GS.,Tufik S., Santana MG., Poyares D., Mello MT. Tratamento não farmacológico para a insônia crônica. Rev Bras Psiquiatr; 2007.

Geib LTC, Neto AC, Wainberg R, Nunes ML. Sono e envelhecimento. Revista Psiquiatria RS, 25'(3): 453-465, set./dez; 2003.

Molen YF.,Carvalho LBC., Prado LBF., Prado GF. Insomnia: psychological and neurobiological aspects and non-pharmacological treatments. Arq Neuropsiquiatr; 72(01):63-71; 2014.

Ringdahl EN, Pereira SL, Delzell JE Jr. Treatment of primary insomnia. J Am Board Fam Pract; 17(3):212-9, 2004.

Sander HH., Pachito DV., Vianna LS. Outros distúrbios do sono na Síndrome da apnéia do sono. Distúrbios respiratórios do sono. Capítulo V. 39 (2): 205-211, abr./jun.; 2006.

Youngstedt SD. Effects of exercise on sleep. Clin Sports Med.; 24(2):355-65; 2005.

American Academy of Sleep Medicine. The International Classification of Sleep Disorders, Second Edition: Diagnostic and Coding Manual. Westchester, IL: American Academy of Sleep Medicine; 2005.

Campos RMS., Neto MM., Silva A., Queiroz SS.,Roizenblatt S., Tufik S., Mello MT. Fibromialgia: nível de atividade física e qualidade do sono. Motriz. Journal of Physical Education. UNESP. Rio Claro, v.17 n.3,p.468-476, jul./set.; 2011.

Martins PJF, Mello MT, Tufik S. Exercício e sono. Rev Bras Med Esp; 7:28-36; 2001.

Zancanella E, Haddad FM, Oliveira LAMP, Nakasato A, Duarte BB, Soares CFP, Cahali MB, Eckeli A, Caramelli B, Drager L, Ramos BD, Nóbrega M, Fagondes SC, Andrada NC. Apneia Obstrutiva do Sono e Ronco Primário: Tratamento. Projeto Diretrizes. Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina; 2012.

Pinto Jr. et al. New guidelines for diagnosis and treatment of insomnia. Arq Neuropsiquiatr; 68(4):666-675; 2010.

Poyares D., Tufik S. I Consenso Brasileiro de Insônia. Hypnos Journal of Clinical and Experimental Sleep Research;4(2):1-45, 2012.

Bahls SC., Navolar ABB. Terapia cognitivo-comportamentais: Conceitos e pressupostos teóricos. PsicoUTPonline. Rev. Eletrônica de psicologia. n. 04, Curitiba, jul.; 2004.

Soares KKD., Dirceu C., Gomes ELFD., Araújo TR., Júnior JAS., Bussadori SK. Percepção dos pais sobre hábitos de sono de seus filhos- estudo piloto. ConScientiae Saúde; 9(4):642-648; 2012.

Morin CM. Psychological and behavioral treatments for primary insomnia. In: Kryger MH, Roth T, Dement C, eds. Principles and practice of sleep medicine, 4th. ed. Philadelphia: Elsevier Saunders; Section 9. p.726-37; 2005.

Becker PM. Pharmacologic and nonpharmacologic treatments of insomnia. Neurol Clin.; 23(4):1149-63; 2005.

Lucchesi L, Pradella-Hallinan M, Lucchesi M, Moraes WA. O sono em transtornos psiquiatricos. Rev Bras Psiquiatr.;27(Supl I):27-32; 2005.

Kozasa EH., Hachul H., Monson C., Pinto Jr. L., Garcia MC., Mello LEAM., Tufik S. Mind-body interventions for the treatment of insomnia: a review. Revista Brasileira de Psiquiatria 2010 vol 32 nº 4 dez ;2010.

Silveira FJM., Duarte RLM. Ronco: critérios diagnósticos e tratamento. J Bras Pneumol.;36(supl.2):S1-S61, 2010.

Publicado
2020-05-28
Seção
Artigos