Utilização do ZEBMAX® para aumento de produtividade na alface

  • Emmanuel Zullo Godinho Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho”. SP, Brasil
  • Hélio Vagner Gasparotto Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho”. SP, Brasil.
  • Fernando de Lima Caneppele Universidade de São Paulo, Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos. SP, Brasil.

Resumo

Dentre as hortaliças cultivadas a Alface (Lactuca sativa) destaca-se devido a sua fonte de vitaminas B1, B2, C, ferro e minerais, além da disponibilidade de ser cultivada em quase todas as regiões do globo terrestre. Diante do exposto, o objetivo do trabalho foi avaliar, em uma cultura de alface, a massa fresca de parte aérea e massa fresca da raiz com aplicação do ZEBMAX®. O experimento foi realizado à campo no Colégio Agrícola de Toledo no período de 10 de junho a 15 de julho de 2018. No tratamento foram realizadas aplicações de duas doses de 0,5 ml L-1 aos 15 e 25 dias após o transplantio. Já na testemunha só foi utilizada água. Utilizou-se o delineamento de blocos ao acaso em triplicata e no total foram avaliadas 10 plantas por bloco. Os dados foram submetidos às análises estatísticas usando o teste de Tukey, ao nível de 5 % de probabilidade. As plantas do tratamento obtiveram um peso de massa fresca de parte aérea de 12,55 g pl-1, com a massa fresca de raiz de 10,88 g pl-1, já na testemunha o peso da massa fresca de parte aérea ficou 11,08 g pl-1 com a massa fresca de raiz 9,44 g pl-1. Portanto, o presente trabalho apresentou diferenças significativas para as variáveis de crescimento (raiz e da parte aérea), em relação a aplicação do ZEBMAX® como fonte de adubação, na relação entre o tratamento e a testemunha.

 

Palavras-chave: Massa Fresca de Parte Aérea. Massa Fresca de Raiz. Peso de Planta.

 

Abstract

Among the vegetables grown, Lettuce (Lactuca sativa) stands out due to its source of vitamins B1, B2, C, iron and minerals, in addition to the availability of being grown in almost all regions of the globe. Given the above, the objective of the work was to evaluate, in a lettuce culture, the fresh mass of aerial part and fresh mass of the root with the application of the ZEBMAX®. The experiment was carried out in the field at the Colégio Agrícola de Toledo from June 10 to July 15, 2018. In the treatment, two doses of 0.5 ml L-1 were applied at 15 and 25 days after transplanting. In the witness, only water was used. A randomized block design in triplicate was used and a total of 10 plants per block were evaluated. The data were submitted to statistical analysis using the Tukey test, at the level of 5% probability. The treatment plants obtained a weight of fresh mass of aerial part of 12.55 g pl-1, with a fresh root mass of 10.88 g pl-1, while in the control the weight of fresh mass of aerial part was 11.08 g pl-1 with fresh root mass 9.44 g pl-1. Therefore, the present study showed significant differences for the growth variables (root and shoot), in relation to the application of ZEBMAX® as a source of fertilization, in the relationship between the treatment and the control.

 

Keywords: Fresh Mass Of Aerial Part. Fresh Root Pasta. Plant Weight.

Publicado
2021-02-18
Seção
Artigos