Avaliação como Oportunidade de Aprendizagem em Aulas de Química: um Estudo de Caso

  • Thamires da Silva Souza Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências Humanas Sociais e da Natureza. PR, Brasil.
  • André Luis Trevisan Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências Humanas Sociais e da Natureza. PR, Brasil.
  • Marcele Tavares Mendes Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências Humanas Sociais e da Natureza. PR, Brasil.
  • Zenaide de Fátima Dante Correia Rocha Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências Humanas Sociais e da Natureza; e Universidade Tecnológica Federal do Paraná em Ensino de Matemática. PR, Brasil.

Resumo

O presente artigo é resultado de uma investigação a respeito da avaliação da aprendizagem no âmbito do ensino de Química, por meio de um estudo de caso. Mais especificamente, foi analisado o processo avaliativo de um professor que atua na disciplina de Química em um curso Técnico Integrado ao Ensino Médio de uma Instituição Federal de ensino. O estudo tinha como objetivos investigar, na prática do professor objeto de estudo, indícios de avaliação como oportunidade de aprendizagem e discutir possibilidades para utilização de instrumentos de avaliação nessa perspectiva. O estudo teve caráter qualitativo e contemplou observações de aulas, entrevista e acompanhamento em campo. Como principais resultados, apontamos indícios de avaliação como oportunidade de aprendizagem nas práticas avaliativas do professor, identificados a partir de três vertentes: concepções de avaliação, instrumentos utilizados e ações do professor.

 

Palavras-chave: Avaliação da Aprendizagem Escolar. Avaliação como Oportunidade de Aprendizagem. Ensino de Química.

 

Abstract

 This article is the result of an investigation about the assessment of learning in the teaching of Chemistry, through a case study. More specifically, we analyzed the assessment process of a teacher who works in the discipline of Chemistry in an Integrated Technical High School course of a federal teaching institution. The objectives were to investigate, in the practice of the teacher object of study, evidence of assessment as an opportunity for learning and to discuss possibilities for the use of assessment tools in this perspective. The study had a qualitative character and contemplated observations of lessons, interview and follow up in the field. As main results, we point out evidence of assessment as an opportunity for learning in the evaluation practices of teachers, identified from three perspectives: teacher conceptions in relation to assessment, instruments used and teacher actions.

 

Keywords: Assessment of School Learning. Assessment as a Learning Opportunity. Chemistry Teaching.

Referências

ALVES, J. F. Avaliação Educacional da Teoria à Prática. 1ª ed. Rio de Janeiro: LTC, 2013.

CELESTE, L. B. A Produção Escrita de Alunos do Ensino Fundamental Em Questões de Matemática do Pisa. 2008. 85f. Dissertação (Mestrado em Ensino de 54 Ciências e Educação Matemática) – Universidade Estadual de Londrina, Londrina, 2008.

ESTEBAN, M. P. S. Pesquisa qualitativa em educação: fundamentos e tradições. Porto Alegre: Artmed, 2010.

LÜDKE, M.; ANDRÉ, M. E. D. A. Pesquisa em Educação: abordagens qualitativas. 10ª ed. São Paulo: EPU, 1986.

OLIVEIRA, A.; APARECIDA, C.; SOUZA, G. M. R. Avaliação: conceitos em diferentes olhares, uma experiência vivenciada no curso de pedagogia. In: VIII Congresso Nacional de Educação (EDUCERE). Anais do VIII Congresso Nacional de Educação: formação de professores. Curitiba: Champagnat, 2008. p. 2383-2397. Disponível em: <http://www.pucpr.br/eventos/educere/educere2008/anais/pdf/510_223.pdf.>. Acesso em: 10 jun. 2017.

PARANÁ. Secretaria de Estado da Educação. Diretrizes Curriculares de Química para as Séries Finais do Ensino Fundamental e para o Ensino Médio. Curitiba: SEED, 2008.

PEDROCHI JÚNIOR, O. Avaliação como oportunidade de aprendizagem em Matemática. 2012. 56f. Dissertação (Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Educação Matemática) – Universidade Estadual de Londrina, Londrina, 2012.

PERRENOUD, P. Avaliação: da excelência à regulação das aprendizagens – entre duas lógicas. Tradução Patrícia Chittoni Ramos. Porto Alegre: Artmed, 1999.

PEREGO, F. O que a produção escrita pode revelar? Uma análise de questões de matemática. 2006. 126f. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências e Educação Matemática) – Universidade Estadual de Londrina, Londrina, 2006.

PEREGO, S. C. Questões Abertas de Matemática: Um estudo de Registros Escritos. 2005. 104f. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências e Educação Matemática) – Centro de Ciências Exatas, Universidade Estadual de Londrina, 2005.

TREVISAN, André Luis; DELAMUTA, Beatriz Haas; LALIN – SOATO, Alessandra Maziero. O que pensam professores a respeito de avaliação. Unión: Revista Iberoamericana de Educación Matemática. n. 49, p. 61-72, 2017.

YIN, R. K. Estudo de Caso: planejamento e métodos. 5ª ed. Porto Alegre: Bookman, 2015.

Publicado
2020-08-17
Seção
Artigos