Ensino de Geografia e Alterações Ambientais Globais na Educação Profissional e Tecnológica

Autores

  • João Vitor Gobis Verges IFRS
  • Nivea Massaretto Verges Colégio Maxi - Cuiabá

DOI:

https://doi.org/10.17921/2447-8733.2021v22n1p117-122

Resumo

Resumo
As Alterações Ambientais Globais têm se colocado como pauta de inúmeras políticas e condicionantes culturais, econômicas e sociais em diferentes países no Mundo, sendo refletidas nas perspectivas educacionais. Dessa forma, procura-se, com este trabalho, apontar um cenário de concepção e de prática sobre as alterações ambientais globais no escopo do ensino de Geografia na educação profissional e tecnológica. Nesse sentido, o objetivo da pesquisa se assentou em desvelar os seguintes aspectos: 1) mecanismos metodológicos para as aulas desenvolvidas; 2) eixos analíticos sobre as Alterações Ambientais Globais; 3) instrumentos utilizados; 4) referenciais teóricos; 6) papel do livro didático; 7) enfoques formativos dos docentes. Para isto, foi aplicado um questionário a docentes de uma instituição da rede federal de educação profissional e tecnológica no Brasil, denominada Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia. O questionário foi empregado para 11 docentes, apresentando interrogações sobre os itens acima enumerados. Obteve-se como resultado que há o predomínio de aulas expositivas e seminários, as análises sobre o tema ocorrem, majoritariamente, pelas mudanças climáticas e desmatamento, as aulas se baseiam em maior parte nos documentários e gráficos, há a prevalência de referenciais teóricos brasileiros, ocorre a constatação ampla de que os livros didáticos são deficitários e mais de 35% dos professores consideram que suas formações não possuem enfoque para o trabalho com as Alterações Ambientais Globais.

Palavras-chave: Prática Docente. Meio Ambiente. Didática.

Abstract
Global Environmental Changes have been placed on the agenda of numerous policies, cultural, economic and social conditions in different countries in the world, being reflected in educational perspectives. Thus, this work seeks to point out a scenario of conception and practice on global environmental changes in the scope of teaching Geography in professional and technological education. In this sense, the objective of the research was based on unveiling the following aspects: 1) methodological mechanisms for the developed classes; 2) analytical axes on Global Environmental Changes; 3) instruments used; 4) theoretical references; 6) the textbook role; 7) teachers training approaches. For this, a questionnaire was applied to teachers of an institution of the federal network of professional and technological education in Brazil, called Federal Institute of Education, Science and Technology. The questionnaire was answered by 11 teachers, asking questions about the items listed above. It was obtained as a result that there is a predominance of expository classes and seminars, the analyzes on the subject are mainly due to climate change and deforestation, the classes are mostly based on documentaries and graphics, there is a prevalence of Brazilian theoretical references, it occurs the widespread finding that textbooks are deficient and more than 35% of teachers consider that their training does not have a focus on working with Global Environmental Changes.

Keywords: Teacher Practice. Environment. Didactic.

Biografia do Autor

Nivea Massaretto Verges, Colégio Maxi - Cuiabá

Graduada em licenciatura e bacharelado em Geografia pela FCT/UNESP - Presidente Prudente - SP. Mestre em Geografia pelo Programa de Pós-Graduação em Geografia da FCT/UNESP, sendo o projeto financiado pela CAPES. Atuou como Professora na Rede Municipal de Itatiba - SP, na Rede Estadual de São Paulo, no Colégio Objetivo de Jarinu - SP e na Rede SESI - SP. Atualmente é professora na Rede Privada de Mato Grosso.

Downloads

Publicado

2021-03-26

Edição

Seção

Artigos