Antecipação e Encaminhamento de uma Atividade de Modelagem Matemática no Contexto de Aulas de Educação Financeira

  • Ariel Cardoso da Silva Universidade Estadual do Norte do Paraná, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Ensino. PR, Brasil.
  • Jeferson Takeo Padoan Seki Universidade Estadual de Londrina, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Ensino de Ciências e Educação Matemática. PR, Brasil.
  • Karina Alessandra Pessoa da Silva Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Ensino de Matemática. PR, Brasil. http://orcid.org/0000-0002-1766-137X

Resumo

Neste artigo apresentamos resultados de uma pesquisa em que consideramos a antecipação uma etapa inerente ao desenvolvimento de uma atividade de modelagem matemática e que pode auxiliar o professor a prever um encaminhamento em sala de aula. Para isso, desenvolvemos uma atividade de modelagem matemática, com o tema ‘orçamento familiar’, em duas disciplinas de um curso de Licenciatura em Matemática: matemática financeira e tecnologias em Educação Matemática. Fundamentados nos pressupostos teóricos da modelagem matemática como alternativa pedagógica e considerando uma pesquisa de abordagem qualitativa, analisamos os registros escritos e a transcrição dos áudios gravados no desenvolvimento da atividade, de forma descritiva e interpretativa. A análise nos possibilitou inferir que as relações que se estabelecem entre a antecipação e a prática com atividades de modelagem matemática, são dinâmicas e ocorrem a partir das reflexões do professor a respeito de suas intenções e das possíveis resoluções dos alunos, bem como pode sofrer (re)planejamentos.

 

Palavras-chave: Educação Matemática. Educação Financeira. Modelagem Matemática.

 

Abstract

In this paper we present results of a research in which we consider the anticipation an inherent step in the development of a mathematical modeling activity and that can help the teacher to predict a routing in the classroom. For this, we developed a mathematical modeling activity, with the theme 'family budget', in two disciplines of a course of Mathematics Degree: financial mathematics and technologies in Mathematics Education. Based on the theoretical assumptions of mathematical modeling as a pedagogical alternative and considering a qualitative approach, we analyze the written records and the transcription of recorded audio in the development of the activity, in a descriptive and interpretative way. The analysis allowed us to infer that the relationships established between anticipation and practice with mathematical modeling activities are dynamic and occur from the teacher's reflections about their intentions and possible student resolutions, as well as being able to suffer ( re)planning.

 

Palavras-chave: Mathematics Education. Financial Education. Mathematical Modeling.

 

Referências

Almeida, L. M. W. & Silva, A. (2010) Por uma Educação Matemática Crítica: a Modelagem Matemática como alternativa. Educação Matemática Pesquisa, 12 (2), p.221-241.

Almeida, L. M. W. & Silva, K. A. P. (2017). A Ação dos Signos e o Conhecimento dos Alunos em Atividades de Modelagem Matemática. Bolema, 31(57), p. 202-219, abr. 2017.

Almeida, L. W., Silva, K. P. & Vertuan, R. E. (2012) Modelagem Matemática na Educação Básica. São Paulo: Contexto.

Almeida, L. M. W., Tortola, E. & Merli, R. F. (2012) Modelagem Matemática Com o que estamos lidando: Modelos diferentes ou Linguagens diferentes. Acta Scientia, 14 (2), p. 215-239.

Araújo, J. L. & Campos, I. S. (2015). Negotiating the Use of Mathematics in a Mathematical Modelling Project. In: Stillman, G. A., Blum, W. & Kaiser, G. (Eds.), Mathematical Modelling and Applications: Crossing and Researching Boundaries in Mathematics Education ICTMA 16, (p. 283-291). New York: Springer.

Banco Central do Brasil. (2003) Cadernos de educação financeira: gestão de finanças pessoais. Brasília. Disponível em: <https://www.bcb.gov.br>. Acesso em: 09 jun. 2017.

Banco Central do Brasil. (2007) Orçamento Pessoal ou Familiar. Disponível em: <https://cidadaniafinanceira.bcb.gov.br/orcamento-pessoal-ou-familiar>. Acesso em: 09 jun. 2017.

Bassanezi, R. C. (2009) Ensino-aprendizagem com modelagem matemática. (3ª ed.). São Paulo: Contexto.

Bogdan, R. & Biklen, S. K. (2007) Qualitative research for education: An introduction to theories and methods. (5ª ed.). Boston: Pearson.

Brasil (1997). Ministério da Educação. Secretaria da Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais: matemática. v.3. Brasília: MEC/SEF.

Brasil (2017) Plano Diretor (ENEF). Disponível em: <http://www.vidaedinheiro.gov.br>. Acesso em: 09 jun. 2017.

Britto, R. R. Kistemann Jr., M. A., & Silva, A. M. (2014). Sobre discursos e estratégias em educação financeira. JIEEM, 7(1), p. 177-208.

Campos, C. R., Teixeira, J., Coutinho. (2015) Reflexões sobre a Educação Financeira e suas interfaces com a Educação Matemática e a Educação Crítica. Educação Matemática Pesquisa (EMP), 17 (3), p.556-577.

Carlson, M. A., & Wickstrom, M. H. (2016) A case for Mathematical Modeling in the Elementary School Classroom. In: NCTM. Mathematical Modeling and Modeling Mathematics, APME, Estados Unidos, (p.121-129).

Dicas Bancárias. (2014) Diferença entre Conta Corrente e Poupança. Disponível em: <http://dicasbancarias.com.br/diferenca-entre-conta-corrente-e-poupanca/>. Acesso em: 11 jun. 2017.

G1 (2017) Salário mínimo em 2017: veja o valor. 2017. Disponível em: <http://g1.globo.com/economia/noticia/salario-minimo-em-2017-veja-o-valor.ghtml>.Acesso em: 10 jun. 2017.

Geiger, V., Ärlebäck, J. B. & Frejd, P. (2016). Interpreting Curricula to find: opportunities for modeling: case studies from Australia and Sweden. In Mathematical Modeling and Modeling Mathematics, APME, Estados Unidos. p. 207-215.

Guimarães, C. Z. & Lamberty, D. R. (2013). Modelagem Matemática na Aplicação de Matemática Financeira. In: Congresso Internacional de Ensino da Matemática, VI, Canoas, p.1-8.

Schroetter, S. M.; Stahl, N. S.; Chrysostomo, C. S. & Duncan, C. R (2016). A escrita e o pensamento matemático no ambiente virtual utilizando a modelagem matemática: experiência de uma turma de 9ºano. Educação Matemática Pesquisa, 18 (1), p.373-396.

Silva, D. M. V., Junior, N. R. C., Vaz, R. F. N. (2016) Uma experiência vivida com estudantes do ensino médio: reflexões sobre Educação Financeira à luz da Educação Matemática Crítica. BoEM, 4 (7), p.82-100.

Silva, K. A. P. (2017). Tarefas que Emergem em Atividades de Modelagem Matemática em um Ambiente Educacional de Cálculo Diferencial e Integral. JIEEM, 10(1), p. 23-40.

Silva, R. (2014) Ensino de Matemática Financeira: construção de modelos matemáticos do custo de vida como facilitadores no Ensino de Matemática. In: Encontro Brasileiro de Estudantes de Pós-Graduação em Educação Matemática, XVIII, Recife, (p.1-12).

Silva, L. A., & Oliveira, A. M. P. (2014). Quando a escolha do tema em atividades de modelagem matemática provém do professor: o que está em jogo?, Acta Scientiae, 17(1), p.40-56.

Silva, R. S.; Barone, D. A. C. & Basso, M. V. A. (2016) Modelagem matemática e tecnologias digitais: uma aprendizagem baseada na ação. Educação Matemática Pesquisa, São Paulo, 18 (1), p.421-446.

Stein, M. K.; Engle, R. A.; Smith, M. S. & Hughes, E. K. (2008) Orchestrating Productive Mathematical Discussions: Five Practices for Helping Teachers Move Beyond Show and Tell. Mathematical Thinking and Learning, 10 (4), p.313-340.

Stillman, G. A. (2017). Enabling Anticipation Through Visualisation in Mathematising Real-World Problems in a Flipped Classroom. In: Stillman, G. A., Blum, W. & Kaiser, G. (Eds.), Mathematical Modelling and Applications: Crossing and Researching Boundaries in Mathematics Education ICTMA 16, (p. 163-173). New York: Springer.

Stillman, G. A., Brown, R. J. P. & Geiger. (2015). V. Facilitating Mathematisation in Modelling by Beginning Modellers in Secondary School. In: Stillman, G. A., Blum, W. & Kaiser, G. (Eds.), Mathematical modelling in education research and practice: Cultural, social and cognitive influences. (p. 93–104), Switzerland: Springer.

Tororadar, E. (2016) Rendimento poupança: O investimento mais popular do Brasil vale a pena? Quais as outras opções?. Disponível em: <https://www.tororadar.com.br/blog/poupanca-juros-rendimento-mensal>. Acesso em: 08 jun. 2017.

Publicado
2020-06-22
Seção
Artigos