Aspectos do Conhecimento Profissional Sobre Transformações Geométricas Emergentes em uma Atividade Diagnóstica com a Participação de um Grupo De Professores

  • Isabel Campos Barroso Colégio Pedro II. SP, Brasil.
  • Maria Elisa Esteves Lopes Galvão Universidade Anhanguera de São Paulo. SP, Brasil.
  • Angelica da Fontoura Garcia Silva Universidade Anhanguera de São Paulo. SP, Brasil.

Resumo

Tem-se como objetivo nesse trabalho trazer parte de uma pesquisa que teve como propósito identificar e analisar o conhecimento profissional docente para o ensino das transformações geométricas na Educação Básica e examinar as contribuições de uma formação voltada para esse conhecimento. Participaram da pesquisa 21 professores do Ensino Fundamental e Médio, que atuam na rede pública do Rio de Janeiro. A investigação seguiu princípios metodológicos do Design Experiment. O aporte teórico sobre o conhecimento docente baseou-se nos estudos de Ball, Thames e Phelps; os trabalhos de Bulf, Grenier e Jahn trouxeram referências importantes sobre as transformações geométricas. Uma atividade diagnóstica para avaliar os conhecimentos sobre os vários tipos de simetria, eixos de reflexão e centros de rotação, precedeu a preparação de um conjunto de atividades que explorou a construção do conhecimento sobre esse conteúdo usando desde materiais manipulativos até um software de Geometria Dinâmica. Traz-se para esse artigo os dados referentes à avaliação diagnóstica e busca-se compreender, dentre os professores participantes, os conhecimentos comum e especializado para o ensino das transformações geométricas emergentes dessa atividade. As respostas à atividade diagnóstica revelaram que os participantes carecem do conhecimento comum e especializado, consequência de uma formação inicial que pouco contemplou esse conteúdo. As atividades e as discussões sobre o tema possibilitaram a ampliação dos conhecimentos profissionais dos professores, especialmente o conhecimento do conteúdo.

 

Palavras-chave: Transformações Geométricas. Simetria. Formação de Professores. Conhecimento Docente. Residência Docente.

 

Abstract

The objectives of this work are to bring part of a research that aimed to identify and analyze the teaching professional knowledge for the teaching of geometric transformations in Basic Education and to examine the contributions of some activities focused on this knowledge. Twenty-one elementary and high school teachers from Rio de Janeiro public schools participated in the research. The research followed the methodological principles of Design Experiment. The theoretical support on teaching knowledge was based on the studies of Ball, Thames and Phelps; the works of Bulf, Grenier, and Jahn brought important references about geometric transformations. A diagnostic activity to assess knowledge about the various types of symmetry, reflection axes, and centers of rotation preceded the preparation of a set of activities that explored knowledge building on this content using from manipulative materials to Dynamic Geometry software. This article brings the data related to the diagnostic evaluation and seeks to understand, among the participating teachers, the common and specialized knowledge for teaching the geometric transformations emerging from this activity. The responses to the diagnostic activity revealed that the participants lack common and specialized knowledge, a consequence of an initial formation that had little contemplation of this content. The activities and discussions on the subject allowed the expansion of teachers' professional knowledge, especially the content knowledge.

 

Keywords: Geometric Transformations. Symmetry. Teacher Training. Teaching Knowledge. Teaching Residency.

 

Referências

Ball, D., Thames, M. H., & Phelps, G. (2008). Content Knowledge for Teaching: What Makes it Special? Journal of Teacher Education, 59, pp. 389-407.

Brasil. (1998). Ministério da Educação. Secretaria da Educação Fundamental. Brasília: MEC/SEF.

Brasil.(2018). Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular. Brasília:MEC/SEF.

Brasil, Ministério da Educação. (2016). PNLD 2017: matemática – Ensino Fundamental anos finais. Brasília: FNDE.

Bulf, C. (2008). Etude des Effets de la Symetrie Axiale sur la Conceptualisation des Isometries Planes et sur la Nature du Travail Geometrique au College. Doutorado em Didactique des Mathématiques , Universite Paris Diderot, Paris.

Cobb, P.; Confrey, J.; Disessa, A.; Lehrer, R., & Schauble, L. Design Experiment in Educational Research. Educational Researcher, v. 32, n.1, 2003. p. 9-13.

Grenier, D. (1988). Construction et étude du fonctionnement d’un processus d’enseignement sur la symétrie orthogonale en sixième. Doutorado em Didactique des Mathématiques, Universite Joseph Fourier, Grenoble.

Grenier, D. L.; Laborde, C. (1987). Tranformations géométriques: le cas de la symétrie orthogonale. Didactique et acquisition des conaissances scientifiques. Actes du Colloque de Sèvres, (pp. 65-86). Sèvres.

Jahn, A. P. (1998). Des transformations des figures aux transformations ponctelles: étude d’une séquence d’enseignement avec Cabri-géomètre. Tese de Doutorado, Universite Joseph Fourier, Grenoble.

Mabuchi, S. T. (2000). Transformações geométricas: a trajetória de um conteúdo ainda não incorporado às práticas escolares nem à formação de professores. Mestrado em Educação Matemática, Pontifícia Universidade Católica, Pós-graduação em Educação Matemática, São Paulo.

Shulman, L. S. (Fevereiro de 1987). Knowledge and Teaching: foundations of the new reform. Harvard Educational Review, 57, pp. 1-22.

Shulmann, L. S. (Fevereiro de 1986). Those who understand: Knowledge growth in teaching. Educational Researcher, 15, pp. 4-14.

Thaqi, X. (2009). Aprender a enseñar transformaciones geométricas en primaria desde una perspectiva cultural. Doutorado em Ciências da Educação Matemática, Universidade de Barcelona, Barcelona.

Usiskin, Z. (2014). Transformations in U.S. commercial high school geometry textbooks since 1960: A brief report. Proceedings of the International Conference on mathematics textbook research and development,, (pp. 471-476). Southampton.

Publicado
2020-03-04
Seção
Artigos