Fitonematoides e Estratégias Adotadas em seu Controle

  • Débora Perdigão Tejo Universidade Estadual de Ponta Grossa, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Agronomia
  • Carlos Henrique dos Santos Fernandes Universidade Estadual de Londrina, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Agronomia. http://orcid.org/0000-0001-8925-5592
  • Juliana Sawada Buratto Instituto Agronômico do Paraná

Resumo

Os fitonematoides são organismos parasitas que habitam o substrato do solo e acarretam inúmeros prejuízos na esfera agrícola mundial. O poder de devastação destes organismos se potencializa em função de dificuldade envolvida no manejo visando sua redução populacional em áreas de exploração agrícola. O objetivo deste estudo é caracterizar os nematoides que causam maiores danos em espécies vegetais cultivadas na agricultura e exibir metodologias de controle da população de nematoides em áreas de cultivo. Entre as espécies com maior destaque na agricultura estão Pratylenchus brachyurus e Heterodera glycines, que acarretam prejuízos na agricultura por ocasionarem lesões no sistema radicular de diversas espécies vegetais cultivadas de interesse econômico. Metodologias de controle vêm sendo adotadas na tentativa de reduzir os prejuízos, entre essas, o controle químico por meio de moléculas químicas que podem resultar em outros transtornos em determinadas situações, controle biológico ainda pouco utilizado, porém com inúmeras vantagens, resistência genética, rotação de culturas e cultivo de espécies antagônicas a proliferação de nematoides. Por meio do desenvolvimento deste trabalho ficou evidenciado que os fitonematoides ocasionam problemas na produção agrícola, podendo comprometer, em alguns casos, dependendo do nível de infestação da área e da espécie vegetal cultivada, a produção total de uma lavoura. O método mais aconselhado de controle é o cultivo de espécies nas quais o nematoide não parasite, quebrando desta forma seu ciclo e reduzindo a população na área inicialmente comprometida.

Palavras-chave: Fitonematoides. Pratylenchus brachyurus. Heterodera glycines. Controle.

 

Abstract

Phytonematodes are parasitic organisms that inhabit the soil substrate and cause numerous losses in the world agricultural sphere. The devastation power of these organisms is potentialized by the difficulty involved in the management to reduce population in agricultural areas. The objective of this study is to characterize the nematodes that cause the greatest damage in cultivated plant species and show methodologies to control the nematode population in crop areas. The most prominent species in agriculture are Pratylenchus brachyurus and Heterodera glycines that cause damage in agriculture due to injuries in the root system of several important crops. Control methods have been adopted in an attempt to reduce the losses as chemical control using chemical molecules that can result in other disorders in certain situations, biological control not frequently used but with numerous advantages, genetic resistance, crop rotation and nematode proliferation. In this work, it was evidenced that the phytonematoids cause disorders in agricultural production, affecting, in some cases according to infestation level and plant species, the whole production of a crop. The most advised method to control phytonematodes would be the species cultivation in which the nematode does not parasite, breaking its cycle and reducing the population in the area.

Keywords: Phytonematodes. Pratylenchus brachyurus. Heterodera glycines. Control.

Referências

AGUDELO, P.; HARSHMAN, D. First report of the spiral nematode Scutellonemabrachyurumon lilyturf in the United States. PlantDisease, v. 95, n. 1, p. 74, 2011.

AMORIM, L.; REZENDE, J.A.M.; BERGAMIN FILHO, A. Manual de fitopatologia. Princípios e conceitos.São Paulo: Agronômica Ceres, 2011.

ANDRADE, D.E.G.T. et al. Manejo alternativo da casca–preta e da queima das folhas do inhame. Anais Acad. Pernamb. Ciênc. Agron., v.7, p.209-223, 2013.

CAPRONI, C.M. et al. Resposta às aplicações de Trichoderma, óleo de Nim e Vertimec no controle de nematoide na cultura do morango. Rev.Agrogeoambiental, v. 4, n. 3, 2012.

COIMBRA. J.L.; CAMPOS, V.P. Efeito de exsudatos de colônias e de filtrados de culturas de actinomicetos na eclosão, motilidade e mortalidade de juvenis do segundo estádio de Meloidogynejavanica. Fitopatol. Bras., v.30, n. 3, p. 232-238, 2005.

CUNHA, F.R.; OLIVEIRA, D.F.; CAMPOS, V.P. Extratos vegetais com propriedades namaticidas e purificação do princípio ativo do extrato de Leucaenadeucocephala. Fitopatol. Bras., v. 18, n.4, p. 438-441, 2003.

DIAS, W.P. et al. Nematoides em soja: identificação e controle.Embrapa Soja. Circular Técnica 76, 2010.

DONG, L.Q.; ZHANG, K.Q. Microbial control of plant-parasitic nematodes: a five-party interaction. PlantandSoil, v.288, n.1, p.31-45, 2006.

FANCELLI, M. Resistência e alternativas de controle de pragas.In: Simpósio Brasileiro sobre bananicultura, v. 5, p. 127- 133, 2003.

FERRAZ, L.C.C.B.; BROWN, D.J.F. Nematologia de Plantas: fundamentos e importância. Sociedade Brasileira de Nematologia. Manaus: Norma Editora, 2016.

FREITAS, L.G.; OLIVEIRA, R.D.L.; FERRAZ, S. Introdução à nematologia. Viçosa: UFV, 2001.

GARRIDO, M.S. Manejo agroecológico da cultura do inhame: produtividade, qualidade, controle de nematoides e manchas foliares. Dissertação (Mestrado em Agronomia) – Escola em Agronomia. Universidade Federal da Bahia, Cruz das Almas, 2005.

KIMPINSKI, J., STURZ, A. V. Managing crop root zone ecosystems for prevention of harmful and encouragement of beneficial nematodes. Soil and Tillage Research, v. 72, n. 2, p. 213-221, 2003.

KLUTHCOUSKI, J. et al. Cultivo do feijoeiro em palhada de braquiária. Embrapa Arroz e Feijão. Documentos 157, 2003.

LORDELLO, A.I.L., LORDELLO, R.R.A., QUAGGIO, J.A. Ocorrência do nematoide de cisto da soja (Heteroderaglycines) no Brasil. Rev.Agricult., v. 67, n. 3, p. 223-225, 1992.

MAUCH, N., FERRAZ, S. Efeito antagônico de plantas da Família Compositae a Meloidogyne incógnita Raça 3. Nematol. Bras., v.20, n.2, p.12-20, 1996.

MITKOWSKI, N.A., ABAWI, G.S. Root-knot nematodes.The Plant Health Instructor.Disponível em: <http://www.apsnet.org/Nematodes/RootknotNematode.aspx.>. Acesso em: 15 abr. 2018.

NASU, E.G.C. et al. Efeito de manipueira sobre Meloidogyneincognita em ensaios in vitro em tomateiros em casa de vegetação. Trop. Plant Pathol., v.35, n.1, p.32-36, 2010.

QIAO, K. et al. Effect to abamectin on rootknot nematodes and tomato yield. Pest Management Sci., v.68, n.6, p.853-857, 2012.

RITZINGER, C.H.S.P.; FANCELLI, M. Manejo integrado de nematoides na cultura da bananeira. Rev. Bras. Fruticultura, v.28, n.2, p.331-338, 2006.

SANTOS, E.S. et al. Produtividade e controle de nematoides do inhame com plantas antagônicas e resíduo orgânicos. Tecnol.Ciênc.Agropecuária, v.3, n.2, p.7-13, 2009.

SCHIMITT, D.P.; WRATHER, J.A.; RIGGS, R.D. Biology and management of soybean cist nematode.Schmitt& Associates ofMarceline, 2004.

SOARES, P.L.M. Estudo do controle biológico de fitonematoides com fungos nematófagos. Tese (Doutorado em Agronomia: Entomologia Agrícola) – Faculdade Ciências Agrárias e Veterinárias, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Jaboticabal, 2006.

SOCIEDADE BRASILEIRA DE NEMATOLOGIA. Sociedade Nacional de Agricultura. 2015. Disponível em: <http://sna.agr.br/por-ano-nematodes-causam-prejuizos-de-r-35-bilhões-ao-agronegocio-nacional/>. Acesso em: 16 abr. 2018.

Publicado
2020-05-12
Seção
Artigos